Cana gera 50% dos empregos do Vale do Ivinhema e intensifica capacitações

Nova Andradina reconhecida pelo potencial no desenvolvimento da pecuária de Mato Grosso do Sul, junto com outros nove municípios que formam a região do Vale do Ivinhema, deram espaço para o plantio de cana-de-açúcar e se tornam referência no setor sucroenergético que atualmente responde por 50% dos empregos gerados na região. Diante da demanda por capacitação do setor que aumenta junto com a movimentação econômica, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS – Sistema Famasul) e seus parceiros certificaram 95 trabalhadores das usinas da região nesta quarta-feira (23), na sede do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Fabricação de Açúcar e Álcool (Stifana).

Foram seis turmas capacitadas com trabalhadores interessados nas atualizações oferecidas pelo curso de tratorista agrícola e que deverão desempenhar as funções aprimoradas em parte dos 10 municípios do Vale do Ivinhema, região que ocupa segunda colocação no ranking da produção de cana-de-açúcar de Mato Grosso do Sul.

De acordo com o presidente da Stifana, Alcemir Remelli, as capacitações no setor sucronergético, além de favorecerem os trabalhadores refletem no desempenho das usinas. “Acompanhamos casos de pessoas que sequer sabiam sobre o funcionamento de uma máquina e após participar do curso se tornaram profissionais qualificados. Essa capacitação proporciona oportunidade ao participante e ao mercado que passa a contar com pessoas habilitadas”, avalia Remelli ao citar que há oportunidades de trabalho, e que está escassa a mão-de-obra apta.

Entre os capacitados que consideram a evolução profissional após o curso de tratorista agrícola está Márcia Regina da Silva. Natural do Mato Grosso trabalhava como vendedora e viu em Mato Grosso do Sul a oportunidade de mudar de ramo, atuando na indústria sucroenergética. “O curso mudou meu desempenho profissional, estou mais segura e também aprendemos muito além da parte de operação das máquinas, como o conteúdo de empreendedorismo que considero de grande relevância”, considera Márcia./

Segundo o presidente do Sindicato Rural de Nova Andradina, Hemerson dos Santos, parcerias como esta, levam sempre ótimos resultados aos trabalhadores rurais. “Nosso objetivo é de que assim como os trabalhadores, o homem do campo esteja cada vez mais”, enfatiza.

As qualificações em Nova Andradina foram desenvolvidas pelo Senar/MS em parceria com o Sindicato Rural, Stifana, Usina Santa Helena e Associação dos Produtores de Bioenergia de MS (Biosul), por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Participaram da cerimônia de certificação, a consultora do Senar/MS, Vanusa Borges, o presidente do Stifana, Alcemir Remelli, o diretor secretário da Cooperativa Agroindustrial do Vale do Ivinhema, Edilson Nantes, o presidente do Sindicato Rural da cidade, Hemerson Israel dos Santos e o representante da Usina Santa Helena, Paulo Gonçalves.

Leite Legal – Além dos alunos que participaram do curso de tratorista agrícola pelo Pronatec em Nova Andradina, outros 16 participantes do programa Leite Legal, moradores do Assentamento Laranjal, receberam certificados de capacitação do Senar/MS. Com produção média de 51 mil litros de leite ao dia, o presidente da Cooperativa Agroindustrial do Vale do Ivinhema, Edilson Nantes, espera melhorar a produção através do programa. “Esse programa foi essencial, já que em 2016 encerra o prazo para que os produtores de leite se adequem à Instrução Normativa 62, que prevê regras para produção de leite. O diferencial foi contar com um veterinário apresentando na prática o que precisamos saber, colaborando para nosso crescimento”, ponderou Nantes.

No total, 111 pessoas foram certificadas em Nova Andradina. As próximas entregas de certificados acontecerão no dia 30 de abril, em Nova Alvorada do Sul; em 05 de maio, em Rio Verde; dia 9 em Aquidauana; dia 13 de maio em Nioaque, 15 em Paranhos e dia 27 de maio, em Maracaju.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Sistema Famasul

Sobre o autor

Deixe uma resposta

*

captcha *